Prefiguração Geográfica, David Maranha
Prefiguração Geográfica, David Maranha
Prefiguração Geográfica, David Maranha
Prefiguração Geográfica, David Maranha
Prefiguração Geográfica, David Maranha
Prefiguração Geográfica, David Maranha
Prefiguração Geográfica, David Maranha
Prefiguração Geográfica, David Maranha
Prefiguração Geográfica, David Maranha
Prefiguração Geográfica, David Maranha

Composta por três maquetas em madeira de faia, à escala 1/20, que representam três arquitecturas imaginárias – as quais podem ser lidas a partir da sua dimensão utópica, política mesmo –, a mostra de David Maranha "Prefiguração Geográfica" reflecte essa necessidade humana de criar um lugar na terra onde se potencie a relação com a natureza. São espaços que estão a nascer para o infinito, seja este o céu ou o horizonte, arquitecturas a crescer para uma paisagem qualquer. Constantin Brancusi, Adalberto Libera e o Abade Suger são alguns dos nomes que podem ser evocados a propósito deste conjunto de trabalhos inédito apresentados no Sismógrafo. O autor atribui outros nomes aos construtores, acentuando assim, num mesmo gesto, o da nomeação, o carácter singular e anónimo destas obras que não existem e nunca irão existir, todavia existindo desde o início dos tempos.

Comprising three models in beechwood, scale 1/20, representing three imaginary architectures – which can be read from its utopian, even political, dimension –, David Maranha’s show reflects this human need to create a place on earth where the relationship with nature is enhanced. These are spaces that are being born to infinity, whether it is heaven or the horizon, growing architectures for whatever landscape. Constantin Brancusi, Adalberto Libera and Abbot Suger are some of the names that can be recalled regarding this set of new works presented at Sismógrafo. The author assigns other names to the builders, thereby accentuating, in one gesture, that of nomination, the singular and anonymous nature of these works that do not exist and won't ever exist, however they may exist since the beginning of times.

previousnext