2014, 05.03 – 05.04 / Sem Quartel / Without Mercy

Ciclo de Cinema / Cinema Series

Que, posto que estivesse apercebido,
não levais de vencer-me grande glória:
maior a levo eu de ser vencido.
[Luís de Camões]

Foi com um ciclo de cinema , que o projecto Sem Quartel / Without Mercy entrou na sua última semana. No Círculo Católico de Operários do Porto, e em colaboração com a Confederação , foram projectados filmes que reflectiram momentos determinantes para a história contemporânea: a revolução portuguesa (1974), a queda das torres gémeas (2001) e as lutas sociais travadas actualmente em vários países europeus. Estas obras foram apresentadas quer pelos seus realizadores – Saguenail e José Tavares –, quer por convidados – Edições Antipáticas, Júlio Henriques e Miguel Teotónio Pereira – que ajudaram a aprofundar e contextualizar os filmes exibidos. A ocasião foi ainda aproveitada para se expor uma pequena feira de publicações.

Programa:

05.15, quinta 21:30
“Mudas Mudanças”, Portugal, 1980, 80', Saguenail – sessão apresentada pelo realizador

05.16, sexta 21:30
“Réfutation de tous les jugements, tant élogieux qu'hostiles, qui ont été jusqu'ici portés sur le film Lá Societé du Spectacle”, França, 1975, 22', Guy Debord
“Et la guerre est à peine commencée”, EUA, 2001, 18’, Anónimo
“Greece the cradle of another world”, Grécia, 2012, 4’21, Raoul Vaneigem e Yannis Yolountas – sessão apresentada por Edições Antipáticas

05.17, sábado 17:00
“Memória Subversiva: Anarquismo e Sindicalismo em Portugal 1910-1975”, Portugal, 1989, 110’, José Tavares e Stefanie Zoche – sessão apresentada pelo realizador

05.18, domingo 17:00
“Cenas das Lutas de Classe em Portugal“, EUA, 1977, 90’, Robert Kramer – sessão apresentada por Júlio Henriques e Miguel Teotónio Pereira

For however well I'm equipped and harnessed,
for conquering me you take no more glory:
than I take in being conquered.

[Luís de Camões]

And with a cinema series, the project Sem Quartel / Without Mercy entered its final week. At the Catholic Circle of Workers from Porto, and in collaboration with Confederação , a series of films were projected, films that reflect crucial moments in contemporary history: the portuguese revolution (1974), the fall of the Twin Towers (2001) and the social struggles being waged nowadays in several European countries. These works were presented either by their filmmakers – Saguenail and José Tavares – either by guests – Edições Antipáticas, Júlio Henriques and Miguel Teotónio Pereira – who helped to deepen and contextualize the screenings. The occasion was also taken to assemble a small fair of publications.

Programme:

05.15, thursday 21:30
“Mudas Mudanças”, Portugal, 1980, 80', Saguenail – presented by the director

05.16, friday 21:30
“Réfutation de tous les jugements, tant élogieux qu'hostiles, qui ont été jusqu'ici portés sur le film Lá Societé du Spectacle”, França, 1975, 22', Guy Debord
“Et la guerre est à peine commencée”, EUA, 2001, 18’, Anónimo
“Greece the cradle of another world”, Grécia, 2012, 4’21, Raoul Vaneigem e Yannis Yolountas – presented by Edições Antipáticas

05.17, saturday 17:00
“Memória Subversiva: Anarquismo e Sindicalismo em Portugal 1910-1975”, Portugal, 1989, 110’, José Tavares e Stefanie Zoche – presented by the director

05.18, sunday 17:00
“Cenas das Lutas de Classe em Portugal“, EUA, 1977, 90’, Robert Kramer – presented by Júlio Henriques and Miguel Teotónio Pereira

previousnext